Morre britânico que lutou por suicidio assistido

Sua morte ocorreu seis dias apos a Alta Corte do pais rejeitar seu pedido de ajuda para terminar com sua vida

O engenheiro civil britânico Tony Nicklinson, ex-jogador de rugbi e paraquedista que ficou paralisado apos sofrer um derrame em 2005, morreu em sua casa em Melksham, a 130 quilômetros de Londres, aos 58 anos.

Sua morte ocorreu seis dias apos a Alta Corte do pais rejeitar seu pedido de ajuda para terminar com sua vida. De acordo com seus familiares, ele morreu de causas naturais, mas a rede de TV BBC e o jornal The Daily Mail afirmaram que Nicklinson se recusou a comer desde que a sentença foi anunciada.

Apos sofrer um derrame durante uma viagem de negocios a Atenas, Nicklinson desenvolveu a chamada sindrome do encarceramento, uma condiçao incuravel. O paciente perde todas as suas funçoes motoras, mas permanece desperto e lucido, com todas as habilidades cognitivas. 
Nos ultimos sete anos de sua vida, Nicklinson nao conseguia falar nem se alimentar. Ele se comunicava por piscadas de olho, interpretadas por computador. A Justiça britânica, ele argumentou que sua vida era um ``pesadelo``, por isso pediu autorizaçao para que um médico lhe administrasse uma droga letal. / AP

Fonte: O Estado de S.Paulo



<<Voltar para Notícias




Receba as nossas novidades em seu e-mail.
Nome:

Data de Nascimento:

Email:




Esclarecimento de quaisquer dúvidas, no prazo de 48 atendimento jurídico virtual(quarenta e oito) horas nas áreas trabalhista (preventiva e contenciosa) e da saúde, através de atendimento virtual.

MAIS

Avenida Paulista, 2.202 – conj. 31 - Cerqueira Cesar – São Paulo - CEP 01310-932
Telefone: (11) 4063-0693 - E-mail: mnmakino.direitomedico@gmail.com
Website desenvolvido por: Andréa Mari